Entenda como funciona orçamento familiar, renda e gastos da família


3 de abril de 2019 Facebook Twitter LinkedIn Google+ Post


orcamento-familiar1

A primeira coisa a fazer para melhorar mais sua vida financeira é ter um conhecimento detalhado do seu orçamento. Para isso, é preciso colocar tudo no simulador diagnóstico financeiro.

Anotando o que entra: salário, “bicos”, pensão, aposentadoria, mesada, rendimento de aluguel etc.

E o que sai, que engloba todos os gastos e despesas pessoais e da casa. Para isso, é importante registrar todos os gastos a serem pagos, como: compra de roupas, imóvel, carro, supermercado etc. Ao fazer essa relação, você consegue perceber melhor os gastos, e pode começar a cortar o que não é necessário, negociando antes com a família.

Além dos gastos, você deve incluir nessa conta tudo que deseja adquirir no futuro. Planeje seus sonhos para um dia conquistá-los!

Não faça contas de cabeça e nem confie somente na memória, pois sempre fica alguma coisa para trás, registre tudo na ferramenta na simulador diagnóstico financeiro.

Orçamento familiar

Fazer o controle do orçamento familiar, ao invés de apenas o seu (pessoal), tem uma vantagem: ao juntar o ganho de todos da casa, fica mais fácil manter o controle sobre os gastos da família e fazer o dinheiro render mais. Dialogar e fazer com todos estejam convencidos da importância disso é essencial.

Fonte:  Meu bolso feliz – SPC BRASIL

Comentários